Você já pensou em aplicar o SEO para marketplace na Black Friday? Se qualquer um desses termos tenha lhe parecido estranho, é um fato que há grandes possibilidades de você ter a visibilidade que deseja não apenas em um período disputado como o da Black Friday, como mesmo após ela.

Mas antes, cabe introduzir alguns pontos necessários. SEO, ou “Search Engine Optimization”, são técnicas utilizadas em todos os aspectos do conteúdo do seu site para que atinja melhores resultados nas pesquisas orgânicas do Google.

Segundo alguns dados levantados pela agência americana Junto, 93% das experiências online do público começam pelas ferramentas de busca, como o Google e o Youtube. Você não leu errado: a rede de vídeos é hoje a segunda maior em interesses do público.

Dentro do e-commerce, esses recursos são ainda mais importantes: 81% do público fazem pesquisas através das ferramentas de busca sobre uma loja antes de finalizar a compra. E para quem trabalha com vendas online, 72% dos comerciantes online já declararam que o Marketing de Conteúdo é uma das táticas de SEO mais efetivas.

Todas essas porcentagens dão apenas uma leve amostra de como o SEO para E-commerce pode ser uma das diversas abordagens que o seu negócio online pode realizar para garantir ainda mais alcance. O que se torna ainda mais importante em uma época como a Black Friday.

Leia mais dicas sobre vendas na Black Friday

 

Como funciona o SEO no E-commerce?

Basicamente, as táticas de SEO em um segmento de E-commerce não se diferem de outros tipos de site: utilize as palavras-chave que se relacionam com o seu negócio, trabalhe-as de modo que renda autoridade e relevância para os mecanismos de busca, e alcance o topo das pesquisas do google para o assunto em questão.

Em um primeiro momento, parecem aspectos simples, mas sua aplicação, sobretudo com a concorrência presente no mercado atual, é complexa o suficiente para serem trabalhados diversos aspectos.

Ainda assim, trabalhar o SEO no E-commerce traz diversas possibilidades. Especialmente quando encontramos uma referência tão eficiente como os Marketplaces.

Para quem ainda não investiu no segmento, um Marketplace é um modelo de e-commerce em que um comerciante pode usar o espaço e a imagem de uma rede grande de lojas - como Amazon, Mercado Livre, ou o grupo B2W, por exemplo -, para vender os seus próprios produtos.

Por um lado, uma loja dentro de um marketplace pode não ter uma apresentação própria (o que vamos mostrar em detalhes mais adiante como mudar isso). Por outro, ela representa uma oportunidade única de alcance para o seu próprio e-commerce, uma vez que essas mesmas redes possuem um alcance singular.

O período de Black Friday, em especial, traz uma oportunidade de crescimento especial para qualquer tipo de e-commerce. Para ter uma ideia, os dados levantados pelo E-commerce Brasil dão uma previsão de faturamento de 13,5 bilhões de reais, 4% a mais em comparação ao ano passado. Desses, 43% é direcionado para as ofertas do setor digital.

Logo, estar à frente dos concorrentes com semanas de antecedência, em que o termômetro de vendas aumentam para todo o segmento, é fundamental. É aqui que o SEO pode entrar, e diretamente para os produtos de sua loja.

 

As possibilidades com o SEO

Com o objetivo de trazer mais alcance através do tráfego orgânico, o SEO é uma excelente ferramenta para garantir o destaque para o seu E-commerce. Especificamente tratando da sua loja online, isso é possível da maneira mais direta possível, através dos seus produtos.

Vamos ilustrar de uma maneira mais clara. A descrição dos produtos, à parte dos aspectos técnicas, configura uma ótima maneira de conseguir ranqueamento dentro das ferramentas de SEO. E para quem possui tanto uma loja virtual própria, como atua nos Marketplaces, esse posicionamento pode ser ainda melhor aproveitado.

Através do conhecimento do seu público comprador, seus hábitos online dentro da loja, e até mesmo detalhes como o pós-venda, podem lhe oferecer todas as informações que precisa para ampliar as possibilidades com o SEO.

Leia mais sobre SEO e outros conceitos

Confira algumas dicas de compra na Black Friday

 

Como a combinação Black Friday e SEO podem contribuir para o seu E-Commerce?

A Black Friday já é um momento muito bem estabelecido no comércio brasileiro. De certa forma, é um termômetro de vendas para o natal, uma vez que a diferença de tempo entre ambas é curta. E assim como a data festiva, o interesse e as pesquisas do público iniciam bem antes. Ainda que sejam promoções, antecipar-se nas pesquisas é a melhor forma de garantir o que deseja nos menores preços.

Para garantir segurança e credibilidade, muitos clientes, mais informados dos recursos, procuram meios de se informar com mais facilidade para esses momentos. Aplicativos de comparação de preços como Zoom, Buscapé, ou ainda mais específicos como o Compare Games e Cuponeria, oferecem boas alternativas para que os usuários saibam onde ir com antecedência na data em questão.

Para confirmar a segurança, tanto em preços como métodos de compra, outra alternativa são as redes sociais e sites de reclamação como o Reclame Aqui. As experiências anteriores dos usuários, sobretudo em edições anteriores da Black Friday, também garantem mais segurança de que podem fazer boas compras. E se tratando de Black Friday, saber o que eles mais se preocupam é fundamental, como é mostrado em uma análise do portal G1.

Mesmo a seção de avaliação presente nos Marketplaces ajudam na avaliação das lojas, explicaremos melhor adiante. O que é importante reparar em todos os exemplos é o acesso dessas empresas nos meios online. E em cada um deles, os seus recursos de SEO podem garantir sua presença de maneira positiva.

 

O algoritmo que define sua presença online

O SEO é um segmento do marketing digital que está sempre em atualização, e muito por conta do próprio Google. Seus algoritmos, que definem quais páginas estão melhor ranqueadas e porquê, sempre trazem novidades que exigem atenção por parte dos gestores de conteúdo.

Especificamente para o E-commerce, existe um algoritmo ainda mais importante, o TF-IDF (sigla em inglês para “Term Frequency - Inverse document Frequency”). Em toda sua complexidade de cálculos, podemos resumir da seguinte maneira.

Através deste algoritmo, o Google atesta a relevância do termo pesquisado em seus diversos contextos, atribuindo um valor de acordo com sua raridade. Quanto maior o número, mais raro ele é, e vice-versa.

Para que o SEO seja funcional na Black Friday, a presença das palavras-chave relacionadas ao seu negócio virtual podem estar presentes em cada um desses locais, sempre apontando para as redes em que estão presentes.

Cada uma dessas redes, sejam as sociais como os apps, geram backlinks para o seu negócio, isto é, geram links de referência nos quais o google reconhece como relevantes. E com as definições atuais de busca do Google para links e conteúdos, essa presença positiva, e principalmente personalizada e bem pensada, se faz presente.

 

A posição dos Marketplaces atualmente

Baseado nas definições atuais do algoritmo TF-IDF, podemos dizer que os segmentos de E-commerce muito se beneficiam das pesquisas. Além de categorias chave para os negócios virtuais, a busca por marcas e produtos específicos ajudam a classificar os níveis de procura em graus bem específicos, o que oferece meios de ação mais práticos para os gestores das lojas.

É aqui que os Marketplaces entram como uma estratégia fundamental no SEO para E-commerce na Black Friday. Acontece que, além de oferecerem um canal de divulgação extra para os seus produtos, cada um deles pode oferecer um alcance específico para seus produtos oferecidos no marketplace.

Para mostrar, de maneira direta, o quanto é importante ter um canal aberto nesses marketplaces, vamos colocar como exemplo no infográfico a seguir os dados de alguns dos marketplaces atuais.

Isto para citar apenas um exemplo de várias redes. Outras redes tem expandido a experiência de compra para além dos produtos, como a recente entrada do serviço Amazon Prime, com diversos recursos para os usuários além de descontos e frete grátis em compras dentro da loja, incluindo para alguns marketplaces dentro da rede. Sendo assim, que tal explorar as possibilidades que o SEO pode lhe oferecer dentro da Black Friday? Para tanto, essas táticas devem ser aplicadas desde já, e vamos lhe mostrar nos exemplos a seguir.

 

3 Estratégias de SEO para Marketplace na Black Friday 

As estratégias que vamos trabalhar seguem um preceito básico importantíssimo para que funcionem corretamente: a descrição dos seus produtos deverão ser únicas e diferenciadas para cada rede de marketplace em que serão implementadas.

Os detalhes técnicos podem permanecer os mesmos em cada rede. Afinal, eles são imutáveis, e são necessários para trazer credibilidade. Contudo, os caminhos nos quais irá fazê-lo, tanto em sua loja como nos Marketplaces, podem ser diferenciados, utilizando as melhores características de qualquer um.

Em um primeiro momento, é uma estratégia que leva tempo. Por outro lado, os resultados que ela gera com o SEO para Marketplace na Black Friday, e além, são muito sólidos. Vejamos a seguir, para que aplique em seu negócio o quanto antes.

 

1 - Destaque a palavra-chave em foco, e a da sua loja

As palavras-chave são fundamentais para o sucesso do SEO. Através de ferramentas como SEMrush, é possível identificar quais delas já estão ranqueadas no seu negócio virtual, e quais podem ser anexadas para aumentar o seu alcance. E para usar na descrição dos produtos, conhecer esses termos é muito importante.

Para o E-commerce na Black Friday, os seus produtos devem possuir alguns termos em destaque na descrição e na apresentação dos mesmos em cada marketplace. Essencialmente, podemos colocá-los na seguinte ordem:

  • Nome do produto
  • Categoria do produto
  • Nome da loja

Geralmente, os textos descritivos de produtos para E-commerce possuem entre 300 e 500 palavras, com resumos das características do produto, aplicações, além dos detalhes técnicos. Para essa quantidade de palavras, o ideal é que esses termos estejam presentes em 1% do conteúdo. Sendo assim, utilize os termos de 3 a 5 vezes nos seus produtos, com ênfase no produto em si.

 

2 - Explore as particularidades do público em cada Marketplace

Assim como sua própria loja virtual, cada Marketplace possui um público mais ativo em relação a outros. Quando você possui presença nessas redes, é possível encontrar não apenas a mesma parcela de usuários que já visitaram seu espaço, como outras particularidades que antes não seriam possíveis.

Com isso em mente, identifique os traços do seu público em cada uma das redes de marketplace nas quais está presente. Ferramentas como o Google Analytics, ou o Google Ads, podem trazer dados relacionados a esse público. A intenção é que o conteúdo descritivo dos seus produtos, mais do que ranquear de maneiras diferentes para sua loja virtual, é atingir em cheio aquela parcela do público.

Por exemplo: se o seu segmento de e-commerce atinge uma faixa etária extensa, você pode utilizar diferentes abordagens para cada rede de Marketplace baseadas nesses dados, incluindo a linguagem e os detalhes relevantes. Dessa forma, você se comunica melhor com o público, sem perder o foco da ação, que é apresentar os seus produtos em um período concorrido como a Black Friday.

Além de uma estratégia de SEO importante a ser conduzida na Black Friday, essa estratégia pode ser explorada em outros contextos como um Teste A/B.

Para quem não conhece o termo, trata-se de uma tática de validação do conteúdo, em que um mesmo material (nesse caso, os produtos de sua loja virtual) são abordados de formas diferentes (nesse mesmo caso, nas redes de marketplace e na sua loja virtual), coletando os melhores resultados, e aprimorando-os.

 

3 - Explore o SEO nas imagens

Seguir os preceitos básicos de SEO no conteúdo dos seus produtos, junto a outras estratégias de marketing do blog, fazem o crescimento da loja ainda mais evidente no período de Black Friday. Contudo, além de textos e vídeos, um outro tipo de pesquisa se faz presente, que são as de imagens.

Não é incomum que segmentos como moda, eletrodomésticos, e eletroeletrônicos, entre outros, tenham suas pesquisas em imagens, para que tenham uma referência apurada no momento da compra. E isso não apenas dentro do marketplace, como também no Google Imagens, Google Shopping, além das redes sociais.

Por isso, para complementar a estratégia de SEO para Marketplace na Black Friday, convém utilizar os recursos descritivos dentro das imagens. Em termos práticos, adicionar a palavra-chave, bem como uma breve descrição de cada produto, dentro do atributo alt image, o que aumenta a relevância dentro do html para leitura dos crawlers do Google.

 

Dicas Finais

Tais estratégias de SEO para Marketplace na Black Friday são eficientes de maneira direta para o seu público. Contudo, para que haja ainda mais eficiência, sobretudo para as ferramentas que vão garantir esse alcance para os públicos interessados, cabe algumas dicas técnicas que vão facilitar a varredura de informações. Aplique-as apenas após refinar o seu conteúdo para mais de um canal.

  • Utilize as LSI - A repetição de palavras-chave, quando excessivas, podem prejudicar mais do que ajudar no processo de SEO para o E-commerce. A melhor saída para esses casos são as LSI, ou Latent Semantic Indexing. Em outras palavras, são sinônimos as palavras-chave que podem ser aplicadas dentro de um contexto, e que indexam o termo desejado da mesma maneira. Assim, em caso de dúvidas, é possível utilizar sinônimos, desde que bem aplicados.
  • Fique de olho nas URLs - Além de conter a palavra-chave, e ser sucinta em sua descrição, os links dos produtos devem ser válidos. Isto é, eles não podem estar quebrados ou direcionarem para outra página. Sempre que um produto estiver pronto, faça testes de carregamento e validade do link. Como referência, utilize o Google Search Console, para confirmar a validação.
  • Invista no carregamento de página - Um dos fatores que mais pesam na Taxa de Rejeição, e no ranqueamento do site como um todo, é o tempo de carregamento da página. Torne-o o mais rápido e responsivo possível, especialmente no mobile. No período de Black Friday, ele é ainda mais importante.
  • Torne a jornada de compra prática e intuitiva - Para o e-commerce em específico, recursos como o carrinho de compras, pagamento, e acompanhamento dos pedidos pesam muito na eficiência de seu negócio virtual. Em suas pesquisas de público, verifique quais são suas dificuldades e desafios com as compras online, e ofereça os meios mais práticos de acesso.
  • Esteja atento ao Reclame Aqui - Não só a ele, mas qualquer canal em que há a presença do seu público na avaliação da loja. Nos marketplaces, isso inclui a seção de avaliação dos conteúdos, com comentários dos mesmos. Trata-se de um filtro fundamental para a avaliação da sua loja virtual. Sempre que possível, tire as dúvidas e atenda às críticas válidas, mas sempre garanta uma presença constante. As respostas, incluindo as palavras-chave, também ajudam no ranqueamento da loja, dentro e fora do Marketplace.
  • Beneficie-se do algoritmo TF-IDF nos marketplaces nesta Black Friday - Os marketplaces são grandes impulsionadores de vendas e lideram todos os números do varejo online, em média, mais de 68% de suas conversões, ocorrem a partir de seus milhões de acessos orgânicos no Google.Toda e qualquer alteração que você aplique em seus produtos nos marketplaces, será rapidamente diagnosticada pelos algoritmos do Google, devido a grande densidade de tráfego por SEO que eles possuem, responsabilidade esta do algoritmo TF-IDF. Portanto crie descrições de produto exclusivas para os marketplaces. Aplicando isso agora mesmo, você ainda poderá coletar melhores resultados de vendas ainda nesta Black Friday. Esta é uma técnica muito pouco explorada, e você pode sair na frente com esta dica.

Como foi possível perceber, existe um campo de possibilidades não apenas no SEO de sua loja, mas também para seus produtos em Marketplace na Black Friday, como além dela. O marketing de conteúdo oferece muitas possibilidades de visibilidade e presença para o seu e-commerce, seja dentro de grandes redes como na própria loja online. Por isso, explore todas as possibilidades que ele tem a oferecer, e torne sua presença online única. Até a próxima!


AbuAmir é tecnólogo em Engenharia Mecânica, bacharel em Matemática com Especialização em Ciências Atuariais, trabalha com search desde 1999. Com mais de 400 projetos atendidos, AbuAmir lidera a área de produtos na SWTecnologia.tech