O E-commerce caminha para se tornar uma das principais fontes de receita comercial, a passos largos até. Logo, a procura e o investimento nos mais variados segmentos seja alta. E da mesma maneira, hajam erros comuns ao iniciar um e-commerce. Isso muito se deve a falta de conhecimento prévio no segmento, ou confundir suas aplicações básicas com o comércio físico. Abaixo, mostramos alguns dos mais comuns.

Quais são os erros comuns ao iniciar um e-commerce?

Embora de fato hajam algumas similaridades, os processos de abertura e administração de uma loja virtual são um tanto diferentes. E vamos te mostrar através dos erros mais comuns ao iniciar um e-commerce.

1 - Atendimento mal estruturado

Uma das características mais evidentes no E-commerce é a falta de uma equipe de vendedores que estejam presentes com os clientes. Além disso, existe um outro fator curioso: ao contrário das lojas físicas, o E-commerce também possui acesso 24h, o que significa que você pode ter vendas literalmente a qualquer hora.
Contudo, isso não anula o fato de que você precisa ter uma comunicação aberta e direta com os clientes. Para tanto, ofereça canais eficientes para contato, que as próprias plataformas de lojas virtuais hoje em dia fornecem.
Seguem algumas abaixo, todas com opções de uso profissional.
  • Whatsapp para empresas
  • Facebook para empresas
  • WeChat
  • E-mail para dúvidas.
Além disso, estabeleça horários de atendimento para todos esses canais, facilitando a vida dos usuários na hora de procurá-los.

2 - Preços nada competitivos

Outro ponto muito comum nos E-commerces, que chama atenção dos clientes, é a busca por preços menores que os praticados nas lojas físicas. Contudo, mesmo isso hoje em dia é subjetivo: além do preço em si, o frete e a avaliação de outros usuários pesa muito na escolha de compra.
Com isso em mente, definir preços competitivos está um pouco além da demanda de mercado, ou de um valor baixo que te dê mais prejuízos. Avalie todos os pontos com antecedência, incluindo os custos de frete, de estoque, o valor investido em produtos, e a margem de lucro que deseja atingir, para que sua operação seja mais bem sucedida.

3 - Não se atentar a logística

Nas lojas físicas, dependendo da localização, é fácil mensurar que eles tenham um estoque apropriado para fazer entregas ou atender uma grande demanda do público. Mas e nas lojas virtuais, como isso fica.
Para quem começou direto na internet, um dos erros comuns ao iniciar um e-commerce é a falta de planejamento logístico. Falamos do frete acima, mas a coisa pode ir além, com simplesmente um espaço correto para estocar os produtos de maneira segura.
Isso sem contar um sistema correto de Picking & Packing para não errar nas encomendas dos clientes. Com isso em mente, uma das formas mais simples de resolver essa questão é, antes mesmo de montar a loja online, pensar nos locais onde esses produtos ficarão armazenados, com todas as normas de segurança, e organizar de acordo.

4 - Apresentação falha e pouco responsiva

Assim como você trabalha a fachada da loja física, a organização de seções, o caixa de atendimento e outros setores, a loja virtual deve fazer o mesmo. Na prática, ela deve ser tanto chamativa visualmente, como responsiva, prática e que facilite o uso para todos os tipos de usuários.
Um dos erros mais comuns ao iniciar o e-commerce é não dar atenção a detalhes simples como a criação de um sistema de pagamentos seguro, um carrinho de compras intuitivo, ou simplesmente categorizar os conteúdos adequadamente. Pense no esqueleto do seu trabalho, para só então aplicá-lo de maneira direta na sua loja.

5 - Falta de informações mais claras e aprofundadas

Por fim, esse erro está relacionado com o anterior. Sem informações precisa de como os produtos funcionam, e até as vantagens e CTAs que convertam para compras, os clientes não saberão qual a veracidade do mesmo.
Pior ainda é se não houver meios de outros usuários avaliarem. Esse fator é importante para a qualidade do negócio. A melhor forma de facilitar essa questão é não apenas fazer o SEO adequado para esses produtos, e tornar as informações e direcionamentos mais adequados possíveis.
Felizmente, todos esses erros comuns ao iniciar um e-commerce são passíveis de solução, especialmente quando você avalia concorrentes e o que eles também fazem de errado. Ao entender as necessidades do público, você pode fazer muito com pouco, e ter retornos tão bons quanto as lojas físicas. Conheça bem do seu comércio virtual, e até a próxima!

Artigos Relacionados

Criação de Sites E-Commerce com SEO de s...

Casa cheia, quase 300 empresários do setor e...

 A cada dia surgem inúmeras startups, mas...

Branding é um conceito fundamental para qual...