Acessibilidade:

Sinalizeweb
  • SinalizeWeb14 anos
  • DivisãoCommtempla
  • EmpresaSW tecnologia.tech
  • Código deConduta
  • Entre emContato

Consultoria SEO

Consultoria SEO, documento de laudo técnico para implementalçai de correções e melhorias

Implementação SEO

Implementação SEO, um time de analistas e desenvolvedores, com foco em performance orgânica e Usabilidade

Análise de Impacto para Migração de Plataformas

Migração Assistida de Plataforma, sem perda de Tráfego Orgânico. Muito além de Redirect 301

Desenvolvimento web pautado em SEO

Desenvolvimento de sites e lojas e-commerce com premissas SEO OnPage

Está imagem representa o tema abordado pela publicação do blog da Sinalizeweb | Gestão dos procedimentos rotineiros de uma franquia

Gestão dos procedimentos rotineiros de uma franquia

12 de Maio de 2015
Por SinalizeWeb

Gestão dos procedimentos rotineiros de uma franquia.

Controle de estoques, investimento em marketing e planejamento dos aspectos financeiros da franquia são essenciais para manter a qualidade da rede.
Estoques
Quando se comparam os negócios próprios às franquias, um dos pontos considerados favoráveis a elas é a sua capacidade de estabelecer com mais facilidade um estoque inicial compatível com as vendas que serão realizadas no período.

Como todo empresário sabe que manter elevados níveis de estoque pode afetar os resultados obtidos pela empresa, por aumentar o risco deles se tornarem obsoletos, perderem o prazo de validade, sofrerem danos durante o armazenamento ou significarem elevados custos para a sua manutenção, o melhor é que as compras sejam feitas em quantidades menores, com a garantia de preços competitivos e prazos de entrega.

Para a franqueadora, fornecer os produtos para a rede tem como principais razões a sua remuneração, a manutenção de segredos industriais, da qualidade e dos padrões exigidos por ela, além da garantia de produção. Ela também poderá optar por fornecedores homologados, que abastecerão toda a rede ou ainda permitir que os franqueados comprem alguns produtos diretamente no mercado.

Para os franqueados, ter os produtos fornecidos pelo franqueador ou pelos fornecedores homologados será positivo se isto lhe permitir manter um estoque menor sem o risco de ficar desabastecido, ter produtos de qualidade e com razoáveis condições de compra.

Os problemas podem surgir se houver uma determinação de compra acima da capacidade de venda do franqueado, gerando elevados estoques que ainda sofrerão o controle dos preços mínimos praticados pela rede.
Marketing
Quando se monta uma rede de franquias, uma das vantagens oferecidas aos franqueados é a realização de ações de marketing mais baratas do que seria possível ele realizar em um negócio próprio, uma vez que nas franquias os custos dessas ações são divididos por todos.

Com os recursos investidos em um Fundo de Propaganda as franquias elaboram campanhas institucionais para que toda a rede se beneficie. Também podem ser desenvolvidas peças para uso nos pontos de venda, com custos menores devido à quantidade de peças produzidas.

O investimento em marketing é essencial para a sobrevivência de qualquer empresa. Nas franquias, geralmente cada franqueado contribui com um percentual do seu faturamento mensal para compor esse fundo que será aplicado na elaboração e execução de um plano de Marketing que visará à divulgação de produtos e ofertas e maior visibilidade da marca.

Em algumas redes o ponto de conflito tem sido a administração desse fundo, devido à falta de transparência na aplicação dos recursos e de participação dos franqueados nas ações que serão implementadas.

Redes mais profissionalizadas estimulam a criação de Conselhos de Franqueados ou Conselhos de Marketing justamente para ajudar na definição da destinação desses recursos, mesmo cabendo à franqueadora a decisão final sobre como será feito o investimento.
Contrapartida financeira
Após escolher o Sistema de Franquiascomo canal de distribuição de seus produtos e serviços, as empresas iniciam um processo de formatação do seu modelo de franquia onde será elaborado um Plano de Negócios e serão determinadas as taxas que serão cobradas dos futuros franqueados.

A remuneração da franqueadora se refere ao sistema desenvolvido por ela e inclui a licença pelo uso da marca e produtos patenteados, além do know-how e suporte que será oferecido à rede. As taxas comumente cobradas pelos franqueadores são:

Taxa de Franquia – cobrada quando o franqueado ingressa na rede. Ela remunera a cessão do direito de uso da marca e o know-how que será repassado através de treinamentos, além do acompanhamento para a implantação da unidade.

Taxa de Royalties – remunera o franqueador pelo uso contínuo da marca, supervisão e aprimoramento do sistema. Em geral é cobrado um percentual mensal sobre o faturamento bruto, mas também pode ser um valor fixo mensal ou estar embutida nos preços dos produtos fornecidos pela rede.

Fundo de Propaganda – valor cobrado de todas as unidades para campanhas de marketing institucional, participação em eventos que aumentem a visibilidade da marca e divulgação de produtos e ofertas. Geralmente é estipulado um percentual sobre o faturamento bruto. De acordo com a franquia, o fundo pode ser gerido pelo franqueador ou por um conselho de franqueados.

fonte: Sebrae

Conheça melhor o cenário de tráfego do seu site

Receba a Opinião de um de Nossos Especialistas

Calculadora de

E-commerce

Defina sua meta de faturamento e com base num ROI estimado, saiba qual é o investimento ideal em marketing de performance para a sua estratégia de negócio online.

Calculadora de Ecommerce

Assine agora nossa newsletter

Este site usa cookies apra garantir que você obtenha a malhor experiência em nosso site. Leia a Política de Privacidade